quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Maturidade para crescer

"Eu plantei, Apolo regou, mas Deus é quem fazia crescer; de modo que nem o que planta nem o que rega são alguma coisa, mas unicamente Deus, que efetua o crescimento." (1Corintios 3: 6 e 7)




Tenho estudado muito sobre eclesiologia e vejo como imediatismo de nossa era nos tem deixado impacientes. Isso de maneira direta e indireta nos afeta.

Não temos paciencia para esperar e estamos sempre desesojos de resultados e respostas rápidas, lendo o texto de 1Corintios vejo que Paulo enfrentava o problema das pessoas estarem seguindo a ele e a Apolo e não à Deus. Outro problema enfrentado por Paulo é de as pessoas não esperarem com paciencia as mudanças espirituais

Sabemos que uma fruta por exemplo como caqui não nasce a cada 3 dias em uma árvore durante o ano todo, mas o caquizeiro tem o período certo para dar frutos, assim é o crente ou aquele que esta em um processo de mudança, as coisas não ocorrem de uma hora para outra, mas devemos estar abertos a todas as pessoas.

Nosso desafio é aprender a olhar para as pessoas com os olhos da graça, não nos esquecendo de ver como Deus olha as pessoas, para não nos fecharmos dentro de uma redoma de vidro, onde não chega pessoas chatas, inoportunas ou mal cheirosas.

Philip Yancey em seu livro: “Igreja porque me importar?” cita a uma igreja para onde se mudou, via ali muitas pessoas inoportunas como: bêbados, mendigos, loucos incomodando as membros da igreja. Até que um dia sentou ao seu lado em um dos cultos uma mulher com roupas caras da última moda. Mas ao contrário do que ele esperava foi surpreendido, pois esta senhora era louca.

Muitas vezes julgamos assim como os livros pela capa, as pessoas por suas roupas ou forma de ser, sem as conhecer profundamente ou entender suas motivações.

Que sejamos cristãos maduros e tolerantes não com o pecado, mas com a espera e o processo de mudança das pessoas e em nossas próprias vidas.

Um comentário:

  1. Com Jesus não foi diferente a questão da aceitação. Afinal, "...não havia nele beleza ou formozura, nada em sua "aparencia" que nos agradace. No entanto, ele é o Salvador de nossas vidas!
    Fico feliz quando encontro pessoas que são aptas a olhar o interior de uma pessoa. Muitas vezes somos conduzidos (enganados), pelo que nossos olhos vêem. Tudo que precisamos fazer é dar credibilidade p/ pessoas que a sociedade naturalmente não daria nada. No entanto em Deus é diferente, porque quem dá o crescimento (desenvlvimento) é Ele, eu faço minha parte, vc faz a sua e quem faz a obra é o nosso Deus!!
    Marcãooo...Parabéns pela palavra. Simplismente edificante.
    Bjãooo :*

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário

Bendiciones